Você faz marmita pra levar ao escritório? Aprenda o modo correto de fazer e levar!

Por Fernanda Fittipaldi – Nutricionista com especialização em Gastronomia. Responsável pelos Treinamentos e MKT Científico da Beauty’in – Pitadas a Gosto

organização-disciplina-chave-sucesso-marmita-semana-1024x614

Já sabemos que muitas vezes comer fora de casa todos os dias, durante o período de trabalho, pode ser complicado para muitas pessoas que estão em busca de alimentos saudáveis. Apesar de alguns lugares já oferecerem arroz integral no seu buffet e uma maior variedade de saladas, ainda vemos muitas frituras e alimentos processados, além do excesso de sódio e açúcar. Como continuar seguindo sua meta e fazer boas escolhas?

Fazendo a sua própria marmita com alimentos que você vai ter certeza de como foram feitos e que vão agradar ao seu paladar. A nova “mania” das marmitas voltou com tudo e aqui no Brasil já conseguimos ter acesso a recipientes específicos (que possam ir ao freezer e micro-ondas e sem componentes tóxicos) e que ainda, podem ser muito fashion. Há de vários tamanhos, cores, com diversos compartimentos e que já até viraram febre entre as famosas, como sempre vemos pelas postagens no Instagram.

images-3

O ideal é que você já deixe tudo pronto na noite anterior para que não se atrase pela manhã. Aos poucos, você vai se acostumando a deixar um pouco mais de comida pronta, acaba virando uma rotina e tudo fica mais facilitado. Com organização e praticidade, tudo passa a funcionar bem.

images-4

1º Passo: Escolha uma marmita que já venha com outra embalagem térmica pra proteger (transporte de casa até a geladeira do escritório) ou então adquira uma à parte. O ideal é que a marmita tenha alguns compartimentos para que seja possível aquecer os alimentos separados da salada;

2º Passo: Separe os alimentos que levará durante o dia. Se além do almoço, também for levar lanchinhos para a manhã e o período da tarde, já deixe tudo próximo para não esquecer de levar pela manhã. Para os lanches, podemos escolher entre iogurtes, castanhas, frutas secas como damascos, goji berry, tâmaras, ameixas pretas, além de barrinhas de cereais que podem ajudar na hora da fome.

3º Passo: Para a refeição principal, no caso o almoço, tenha em mente sempre que o ideal é uma alimentação diversificada, colorida e saborosa. Em um recipiente à parte, coloque uma salada de folhas, acrescente grãos como grão de bico, soja ou mesmo semente como a chia, semente de girassol etc. Uma grande dica é de também levar sua salada no pote como já ensinamos aqui

4º Passo: Coloque uma fonte de proteína e outra de carboidrato no seu almoço, para que seja bem equilibrado e possa trazer saciedade. Alguns exemplos: arroz integral + feijão + filé de frango grelhado + abobrinha refogada; filé de peixe com creme de milho, omelete com 2 claras e 1 gema + batata doce cozida + cenoura; carne moída + espinafre refogado; frango desfiado + lasanha de berinjela, entre outras opções.

5º Passo: Você é daquelas que não consegue ficar sem a sobremesa? Prefira levar frutas inteiras ou picadinhas, gelatinas também podem ser boas opções. Tente não exagerar naquele docinho que sobrou e que deu aquela vontade de comer no dia seguinte.

 

    Se o escritórimages-1io em que trabalha não tem geladeira, nesse caso, o ideal é que você adquira uma bolsa térmica que possa resistir mais horas, isso por que alimentos como carnes, queijos, ovos e iogurtes podem estragar ao longo do dia.

Lembrando que as marmitas não são apenas para quem está de dieta, todo mundo pode ter vantagens fazendo isso, pois é uma opção mais saborosa, saudável e muito mais econômica, pra quem se importa realmente com a qualidade do que está ingerindo no dia-a-dia.

 E aí? Vai aderir também à essa “moda” que faz bem?

 

 

Grande beijo,

Fê Fittipaldi.

shutterstock_416970646
Anterior
Salada no pote – Aprenda a fazer a sua!
shutterstock_551810104
Próximo
Conforto não é desleixo
Voltar
SHARE

Você faz marmita pra levar ao escritório? Aprenda o modo correto de fazer e levar!